Antiinflamatório para Cólica Menstrual, Tratamento

Dá para contar nos dedos as mulheres que não sofrem com o drama das cólicas menstruais, e isso se faz um tormento, pois se repete todo mês.

Hoje vamos falar de Antiinflamatório para Cólica Menstrual, e seus benefícios para ajudar a passar por essa fase com mais qualidade de vida.


Segundo pesquisas de 70 a 90% das mulheres sofrem com este mal das cólicas menstruais também conhecidas como dismenorreia.

E o mais alarmante é que metade dessa número sofre com dores tão fortes que acabam se sentindo incapazes de trabalhar ou qualquer outra atividade.

Para combater esse problema tão terrível na vida das mulheres, existem medicamentos como antiespasmódicos, analgésicos, anticoncepcionais e antiinflamatórios e é importante saber a diferença entre eles.

O que é Cólica Menstrual

Essa dor tão desconfortável também é denominada dismenorreia, e parte de contrações uterinas que vêm como uma dor intensa na parte inferior do abdômen ou o baixo ventre, e que pode se estender para as costas e pernas, muito semelhante as dores de parto, e aliados ainda vem muitos outros sintomas.


Geralmente pode ter outros problemas associados como endometriose, por exemplo. Mas também pode ser apenas pelo fato de aumentar a produção de prostaglandina – moléculas reguladores das vias metabólicas – no endométrio que é a camada interna do útero eliminada na menstruação.

Quando acontecem as contrações, os vasos sanguíneos são comprimidos e por consequência, dificultam o suprimento de oxigênio em partes uterinas, prejudicando o bem estar e disposição da mulher para as atividades do seu cotidiano.

Sintomas Apresentados

Por incrível que pareça, são as adolescentes que mais sofrem com o problemas das cólicas, justamente porque estão começando a fase fértil da vida e as cólicas são normais nessa fase.

Mas de maneira geral os sintomas das cólicas menstruais são:

  • Enjôos
  • Tonturas
  • Mal estar
  • Vômitos
  • Desmaios
  • Diarréia
  • Cansaço
  • Dor de cabeça
  • Nervosismo
  • Irritasbilidade
  • Distensão abdominal
  • Retenção de líquidos
  • Edema nas mãos e pés
  • Prisão de ventre
  • Ansiedade e variação de humor
  • Hipersensibilidade mamária

Algumas mulheres ainda tem compulsão por alguns alimentos, especialmente doces.

Importante – exercícios leves e caminhadas podem ajudar a aliviar a tensão, dor e desconforto causados pelas cólicas. É importante também evitar roupas muito apertadas para que a circulação sanguíneas seja plena assim como seja possível a respiração profunda para relaxar.

Butilbrometo de Escopolamina

Este é um  princípio ativo em solução injetável indicado para o tratamento de cólicas agudas dos tratos geniturinário e gastrointenstinal além de cólicas biliares.

Também pode ser usado como auxiliar em procedimentos diagnósticos e tratamentos onde o espasmo pode ser um problema como em endoscopias e radiologias.

Em adultas e adolescentes acima dos 12 anos – 1 a 2 ampolas de 20mg administradas lentamente por via endovenosa, intramuscular ou subcutânea durante o dia, não excedendo nunca a dose diária de 5 ampolas, ou seja 100 mg.

Podem acontecer efeitos colaterais como sensação de boca seca, desidrose, transtornos da acomodação visual, taquicardia, vertigem e potencialmente retenção da urina. Podem acontecer também casos raros de pressão alta e vermelhidão cutânea, reações cutâneas, dispnéia, choque anafilático e reações anafilactóides.

O preço deste medicamento é de mais ou menos 11 e 20 reais.

Alivium 600 mg

Este é um medicamento para tratar dos sinais e sintomas de artrite reumatóide, osteoartrite, reumatismo articular, traumas muscoesqueléticos, dores de garganta, dores de cabeça, dor de dentes, dor nas costas, cólicas menstruais e outros.

Trazendo como princípio ativo o ibuprofeno, é um potente analgésico, antipirético e antiinflamatório que deve ser usado com cuidado e sob prescrição médica, uma vez que não é indicado para pacientes com asma e rinite e nem para pacientes com insuficiência renal, hepática e cardíaca graves.

A dosagem desse medicamento deve ser adequada a cada caso, mas pode ser tomada 1 comprimido por vez até 4 vezes ao dia, nunca excedendo a 3.200 mg diários.

O preço deste medicamento é de mais ou menos 24 a 43 reais, dependendo do local.

Atroveran Composto

Trazendo como princípios ativos cloridrato de papaverina, dipirona monoidratada, extrato de atropa belladona linné,  na sua apresentação em comprimidos; e acrescentando mais hyoscyamus niger l. e peumus boldus molina na sua versão em gotas, é um analgésico e antiespasmódico indicado para cólicas menstruais e outros tipos de cólicas.

Na sua versão comprimidos – pode ser tomado 2 a 3 comprimidos por vez, conforme necessário, mas nunca exceder a 8 comprimidos diários.

Na sua versão gotas – 40 gotas em 1 cálice de água, 10 minutos antes das refeições, 2 a 3 vezes ao dia. a dosagem poderá ser dobrada somente em casos especiais.

Em doses elevadas poderá causar náuseas, tonteira, taquicardia, congestão facial, que são os efeitos colaterais mais comuns, mas podem acontecer outros também.

O preço varia entre 10 e 23 reais dependendo da apresentação e local.

Naproxeno Sódico 550 mg

Este é um medicamento antiinflamatório, analgésico e antitérmico de ação rápida, no máximo em 20 minutos após a sua administração.

Trazendo como princípio ativo o Naproxeno sódico 550 mg, traz alívio para estados dolorosos inclusive dores abdominais e pélvicas.

O comprimido deve ser ingerido sem mastigar com um pouco de líquido. Deve ser ingerido 1 comprimido por dia ou de acordo com indicações médicas.

Não deve ser excedida a dose diária de 550 mg. Também não deve ser usado por mais de 10 dias consecutivos.

Entre os efeitos colaterais pode-se constatar distúrbios cardiovasculares, distúrbios gastrintestinais, distúrbios da pele e do tecido subcutâneo.

Este Antiinflamatório para Cólica Menstrual, pode custar mais ou menos 27 reais.


Leia também: